Mix CD – Edição 139

redacao 13 de junho de 2013 0

Paulo César Cardoso por Paulo César Cardoso

CD

 

Djavan – “Rua dos Amores”

Considerado um dos maiores cantores e compositores brasileiros, circulando entre a música popular e o jazz, Djavan traz seu primeiro trabalho de músicas inéditas depois de cinco anos. O disco possui 13 faixas e foi todo composto, arranjado e produzido pelo artista. Destaque para “Rua Dos Amores”, que dá nome ao álbum, “Bangalô”, “Quinze Anos” e “Vive”, canção lançada por Maria Bethânia em seu último disco.

 

Foto: Divulgação

 

Foto: Divulgação

Eric Clapton – “Old Sock”

Clapton não se prende ao blues neste álbum, indo do reggae ao jazz e, a exemplo de Madeleine Peyroux, revela sua paixão pelo country. Das 12 faixas, duas são genuinamente desse gênero e outras ganharam citações que remetem ao estilo. Sinal de que o ritmo do velho Sul dos EUA, com letras tristes e melancólicas, tem lugar especial entre as predileções do guitarrista inglês. A faixa de abertura, “Further On Down The Road”, já gravada anteriormente por ele, ganha uma pegada reggae mas, mesmo no clima jamaicano, uma gaita traz as pitadas de country que permeiam o CD.

 

John McLaughlin – “Now Here This”

Aos 71 anos, o guitarrista inglês continua em plena forma. Em seu novo disco está acompanhado da banda 4th Dimension em uma excepcional performance. A faixa de abertura, “Trancefusion”, agrada por sua alternância de dinâmicas. Já a “Riff Raff” é o ponto alto do álbum com a guitarra solo, sendo que os incessantes slaps no baixo conferem ritmo de sobra e a bateria conduz o quarteto por um ritmo intrincado. Para um músico na casa dos 70 e com discografia respeitável, um trabalho como este não é pouco e ainda impressiona.

Foto: Divulgação

DVD

 

Foto: Divulgação

 

The Doors – “Live At The Bowl ’68”

Em 5 de Julho de 1968, o The Doors subiu ao palco do Hollywood Bowl para um concerto que, desde então, passou a ser considerado lendário. A banda estava lançando o seu terceiro disco, “Waiting For The Sun” e a canção “Hello I Love You” liderava as paradas norte-americanas. Nessa época eles vinham aprimorando suas apresentações ao vivo e sentiam-se absolutamente no auge da forma. Somente 44 anos depois o conteúdo do filme gravado no Hollywood Bowl foi disponibilizado pela primeira vez para os fãs da banda.

Dicas/Sugestões: paulopat@pacprommos.com.br
Colaboração: Georges Nabhan e Patrícia Santana
Serviço: ST2 – www.st2.com.br e Universal Music – www.universalmusic.com.br

Deixe uma resposta »